NEWS

NEWS

THE POST | Vale ou não a pena assistir? Leia nossa crítica


Graças aos parceiros do Espaço/Z fui assistir à mais nova obra de um dos grandes gênios do cinema, Steven Spielberg. Não importa o que os “entendidos” falam, esse cara tem muito talento!
  1. informações
Título original: The Post
Data de lançamento: 25 de janeiro de 2018 Duração: 1h e 55min
Direção: Steven Spielberg
Elenco: Meryl Streep, Tom Hanks, Sarah Paulson e mais uma cambada de conhecido.
Gênero: Drama, Suspense
Nacionalidade: EUA
Distribuidor: UNIVERSAL PICTURES
Ano de produção: 2017

The Post - A Guerra Secreta, poderia ser entediante nas mãos erradas, mas Spielberg conseguiu mais uma vez orquestrar as câmeras de modo a contar a história de modo primoroso. O movimento certo das câmeras aliado à trilha perfeita de John Williams nos leva em uma viagem por múltiplos sentimentos durante o filme. Naquele suspense bem arquitetado de uma forma que só Steven sabe fazer.

Tudo se passa nos anos 70, as mulheres finalmente estão saindo de casa e buscando seu lugar no mundo profissional. E no meio delas está Kat Graham, divinamente interpretada por Meryl Streep, uma mulher aparentemente fraca, perdida devido a falta de seu marido falecido e com a difícil tarefa de administrar o jornal da sua família, nada mais nada menos que Washington Post. É quando chega a notícia de que o governo dos Estados Unidos não contaram a verdade sobre a Guerra do Vietnã. Cabe então a Kat e sua equipe avaliarem se vale a pena entrar em guerra contra o presidente Nixon por uma das maiores matérias publicadas até então.

Tom Hanks vem com muita energia em cena. Encarna o editor voraz Ben Bradlee em busca da reportagem perfeita a qualquer preço. Chefia uma equipe de excelentes jornalistas e dentre eles temos nosso querido Saul (Breaking Bad)... Ops… Ben Bagdikian (Bob Odenkirk), foi mal confundi pois a pilantragem dos dois é bem parecida, apesar de Ben ser bem mais sério que o Saul.

A mulher de Bradlee, Tony, vivida pela excelente Sarah Paulson, não aparece tanto, mas sua pequena participação é bem notada. Assim como todas as personagens femininas da trama. A opressão da mulher em um mundo ainda dominado pelos homens e a dificuldade de se sobressair dentre valores retrógrados são belamente retratados por cenas bem compostas, e o texto maravilhoso, nos toca com profundidade através do pensamento e dos argumentos de alguns personagens. Até onde se pode ir pelo interesse de todos, pela luta contra a injustiça e pela liberdade.

A forma como foi mostrado o dia a dia de um jornal desse tamanho, a complexidade dessa arte, começando pela investigação, editoração e passando pelo calor das prensas até chegar onde pegamos as notícias quentinhas saindo do forno igual um pãozinho novo saindo da padaria. Alimentando nossa fome por informação.

É aquele tipo de filme hipnótico que não deixa a gente desgrudar os olhos da tela. Vale pracarái assistir The Post. Pode aPostar! Foi mal, não consegui segurar o trocadilho!

Por: Leila Domicio
  1. trailer

Nenhum comentário

adv/https://www.callangonerd.com/|https://3.bp.blogspot.com/-Z3774El9E50/XAfWQBgBNCI/AAAAAAAAaOw/nfOjDrWYxmwQdePcQkbQILxRAwFahN2JwCLcBGAs/s1600/600x600_FLECHAS_exibicaogif.gif

MAIS VISTOS

randomposts
Tecnologia do Blogger.