ALÉM DA MORTE | Vale ou não a pena assistir?


Título original: Flatliners
Data de lançamento: 19 de outubro de 2017 (1h 49min)
Direção: Niels Arden Oplev
Elenco: Ellen Page , Diego Luna, Nina Dobrev
Gêneros: Suspense , Terror , Ficção científica
Nacionalidade EUA
Não recomendado para menores de 14 anos
Distribuidor SONY PICTURES

Diante da saturação de tantos remakes em Hollywood, onde grande parte deles acaba sendo um fiasco, eu imagino o que dá na cabeça de um diretor em fazer um que ninguém pediu. Além da morte é um remake de Linha Mortal, filme de 1990 comandado por Joel Schumacher e estrelado por Kiefer Sutherland, Julia Roberts , Kevin Bacon, William Baldwin e Oliver Platt, apresentando um grande desperdício de uma ótima ideia.

Assim como no original, a trama acompanha um grupo de jovens médicos que tentam descobrir se existe vida após a morte. Interessante, não é? Tem mais. Eles resolvem executar uma experiência onde forçam a própria morte, usam procedimentos médicos para retornar no intuito de saberem o que acontece quando se passa para o outro lado. Como consequência eles acabam tendo o benefício de um aumento considerável em suas capacidades cognitivas, mas em contrapartida eles enfrentam uma série de situações assombrosas causadas pela culpa de erros do passado. É ou não uma boa premissa? Pois é, eu imagino uma história como essa nas mãos de um diretor inspirado e criativo faria um filme de terror psicológico, misterioso e envolvente sobre o pós morte, nos imergindo na euforia dos personagens ao atravessar para o outro lado e voltar tendo lembranças de tudo, com cenas perturbadoras apoiadas por uma trilha sonora trevosa, um bom enquadramento e uma fotografia sombria que nos trouxesse um medo, um desconforto causado por toda profundidade exibida na telona, isso seria incrível. Sim você leu certo, seria. Nada disso existe nesse filme dirigido por Niels Arden Oplev, que entrega um filme completamente "meia boca".

Desde o início o filme se mostra completamente desinteressante e sem nenhuma profundidade, desde a composição das cenas, o enquadramento e até mesmo os personagens. Olha que o elenco é bom contando com Ellen Page , Diego Luna e James Norton, Nina Dobrev, e ainda uma participação "mó nada a ver" de Kiefer Sutherland, que esteve no primeiro filme, mas não reprisa o mesmo papel.

Nessa nova versão o diretor conseguiu dar tanta consistência aos personagens quanto um "caldo de bila". Até mesmo as cenas com as experiências pós morte e a jornada de descoberta e resolução para as consequências da experiência são muito fracas, o que era uma esperança de melhoria diante de tanta chatice. A forma como é trabalhada a conclusão e a resolução são tão "broxantes" que faz com que a ideia do filme pareça ruim, algo que não é.

Respondendo a pergunta título do post, não, não vale a pena. Não perca seu tempo e dinheiro com esse troço. É sério, espere para assistir em casa quando não tiver nada pra fazer. O filme diz tudo, mas não diz nada. Era melhor ter ido assistir o filme do Pelé.



COMPARTILHE

Postar um comentário

CRÍTICA DE CINEMA

SÉRIES

CURIOSIDADES

ARTISTS ALLEY

Copyright © CALLANGO NERD. Designed by OddThemes